CONHEÇA O PROCEDIMENTO QUE REPRESENTA UM ALENTO APÓS A RETIRADA DA MAMA, CONTRIBUINDO PARA REABILITAÇÃO FÍSICA E MENTAL DA PACIENTE E DEVOLVENDO SUA AUTOESTIMA

Os seios são uma parte do corpo diretamente ligada à feminilidade. É por isso que uma mastectomia causa tanto impacto na vida destas pacientes. A reconstrução da mama nestes casos é a alternativa para seguir em frente, permitindo recuperar refazer um seio muito semelhante ao outro lado.

Existem várias técnicas para a realização desta cirurgia, que pode ser feita junto com a mastectomia, no caso, uma reconstrução imediata da mama, ou após a conclusão do tratamento do câncer, chamada então de reconstrução tardia. Seja qual for o momento, esse procedimento vai te ajudar a manter os seios no volume próximo ao natural, mantendo também suas características femininas e o amor pelo seu corpo!

 

QUAL É O MELHOR MOMENTO PARA FAZER A RECONSTRUÇÃO DA MAMA?

O mais recomendado é a reconstrução imediata, que é feita na sequência da cirurgia para tratar do câncer em si. No entanto, dependendo do tipo da lesão, não se pode fazer neste mesmo momento, mas somente após o tratamento completo para a cura da doença, ou seja, após a quimioterapia ou radioterapia.

Frequentemente recebo no meu consultório pacientes que fizeram a mastectomia há muito tempo e, após a conclusão do tratamento do câncer, ainda não tinham refeito a mama. Elas são atendidas com a mesma atenção e cuidado e saem felizes com os resultados, pois eles completam o processo de reabilitação, recuperando a autoestima muitas vezes perdida lá atrás, tão logo diagnosticada com a doença. Esse é um trabalho muito gratificante e que no meu consultório é feito de maneira bastante humanizada, por meio da dedicação de todos os profissionais envolvidos.

botoes

 

COMO É FEITA A CIRURGIA PARA RECONSTRUÇÃO DA MAMA?

Existem quatro métodos para a realização deste procedimento, que pode ser feito com o uso de tecido próprio da paciente, com implantes de mama, ou pela combinação do próprio tecido com um implante. Conheça cada um dos métodos:

  1. Utilizando parte do músculo grande dorsal (costas):Nesse procedimento, parte da pele e do músculo das costas é levada para a região mamária para reconstrução da mama. Nem sempre há volume suficiente nesta região, então neste caso pode ser utilizado um implante para criar um formato e volume mais natural ao seio.
  2. Utilizando um retalho do músculo reto abdominal (TRAM): esta técnica consiste na remoção de gordura e músculo da região do abdômen que é canalizado até a mama. Normalmente neste caso não há necessidade de prótese.
  3. Utilizando um expansor (bexiga inflável com soro): para que um implante de longo prazo possa ser colocado,é preciso expandir a região que receberá a prótese, uma vez que a pele e o tecido mamário são removidos na mastectomia. Um dos métodos para isso é utilizando um expansor de tecido mamário temporariamente no tórax. Durante um período, o soro é injetado neste expansor e, por esse processo, a pele se estica gradualmente. Ao chegar no tamanho ideal, o expansor é retirado para dar lugar à prótese definitiva.
  4. Utilizando uma combinação de expansor/implante de mama permanente (expansor de BECKER): esse dispositivo é colocado logo após a mastectomia e possui um pequeno tubo e um domo de injeção que fica próximo ao implante. Durante um período, injeta-se solução salina para expandir o implante, esticando o tecido mamário. Quando se alcança o tamanho desejado, o tubo e o domo podem ser removidos em um simples procedimento, e o implante continua no lugar.

botoes4

 

COMO FICAM OS SEIOS APÓS A RECONSTRUÇÃO MAMÁRIA?

Antes de mais nada é importante lembrar que esse processo é feito em algumas etapas. Além da primeira parte que é o reposicionamento de tecido ou colocação de prótese, existe um segundo passo que consiste em refazer a aréola e o mamilo. Por fim,é feito o alinhamento com a outra mama e, algumas vezes, uma prótese é colocada também na outra mama para que ambas fiquem simetrizadas.

De qualquer forma, a parte retirada na mastectomia é refeita e o resultado é uma lembrança positiva de uma recuperação de sucesso. Isto é ainda mais verdade se puder ser feita a Reconstrução Imediata. Caso tenha que esperar um tempo, o Mastologista avisará quando for possível procurar um cirurgião plástico. O corpo pode não ser exatamente o mesmo, mas o importante é não sentir a ausência daquela parte que precisou ser retirada para garantir a sua saúde. É justamente isso que a reconstrução mamária faz, ela devolve a saúde física e mental da paciente, para que esta possa se sentir bem novamente com o seu corpo.

Venha até o meu consultório para tirar suas dúvidas e ficar tranquila quanto a esse procedimento. Você será recebida com todo o carinho e atenção!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *